tn_Campanha de prevenção a Sepse realizada no ano passado (Foto arquivo)Campanha de prevenção a Sepse realizada no ano passado

 

Hoje, 17 de setembro, é comemorado o Dia Mundial de Segurança do Paciente. A data, criada pela Organização Mundial da Saúde em 2019, tem o objetivo de alertar sobre a importância da assistência segura dos pacientes em todos os estabelecimentos de saúde.

 

A segurança reside nos sistemas e também nas pessoas e, por isso, deve ser ativamente procurada e estimulada pelos profissionais, especialmente no campo da gestão dos serviços.

 

A gerente de Qualidade do Hospital Unimed Petrópolis, Lúcia Coelho, ressalta que apenas tentar evitar danos não é suficiente, o melhor é que se reduzam os erros de todos os tipos e que se procure a alta confiabilidade como um componente essencial no atendimento assistencial.

 

“O objetivo do Hospital Unimed é tornar o processo de assistência aos pacientes cada vez mais seguro e livre dos danos. Por isso uma das principais recomendações de nossa diretoria é trabalhar a Cultura de Segurança ao Paciente, com o objetivo de pensar em medidas e criar alternativas que melhorem e garantam a gestão de riscos, com a minimização de injúrias ao pacientes, ou seja, ações para tornar a segurança organizacional e do  paciente uma importante dimensão da qualidade do cuidar em saúde. Neste contexto, a participação e o envolvimento das diversas equipes multiprofissionais são essenciais” disse a gerente de Qualidade, Lucia Coelho.

 

O Engenheiro de Segurança do Trabalho do Hospital Unimed Petrópolis, Antônio Carlos Rodrigues, destaca que além da segurança dos pacientes, os profissionais de saúdes também recebem apoio quanto a sua própria segurança e são capacitados para atenderem os pacientes dentro de todas as normas de segurança.

 

“Desde o início da pandemia a Unimed Petrópolis mantém seus profissionais treinados e atualizados, em conformidade com as técnicas adequadas as atuais condicionantes bem como na utilização de equipamentos de proteção individual eficientes e eficazes.” Ressalta Antônio Carlos Rodrigues.

 

Além disso, durante esse período de enfrentamento a Covid-19 foi disponibilizado um canal de atendimento psicológico com foco nos profissionais da saúde que contribui no apoio das necessidades de cada colaborador.​

 

Texto: Assessoria
Foto: Divulgação