tn_HAC recebe trabalho voluntário que leva entretenimento para 28 crianças internadas na pediatria

Livros de leitura e pintura são doados para crianças internadas

            As 25 crianças internadas na pediatria do Hospital Alcides Carneiro (HAC) receberam a visita do grupo Iniciativa True Readers, os super amigos da leitura. O trabalho voluntário consiste em levar entretenimento para os pacientes pediátricos com gibis, livros de pintura e a visita de personagens das próprias revistas em quadrinhos. A atividade proposta pela Comissão de Humanização do HAC mudou a rotina da pediatria, proporcionando uma tarde de lazer para os pacientes e familiares que os acompanham.

Realizada pela primeira vez no hospital a proposta é de que a ação se repita a cada 15 dias no setor de pediatria. “Esse é um trabalho de grande valor. É muito gratificante ver que podemos contar com a iniciativa voluntária de pessoas que dedicam um tempo de suas vidas a fazer o bem ao próximo. Nosso hospital agradece essa iniciativa que levou muita alegria para essas crianças em tratamento”, destacou o prefeito Bernardo Rossi.

O fundador do grupo, Rogério Cogliatti conta que a ideia é levar um pouco de alegria para as crianças internadas e juntamente com o entretenimento, busca o incentivo à leitura com a participação de toda a família. “Levamos as revistas para as crianças que já têm o hábito da leitura e incentivamos que os pais participem desse momento, para que haja a proximidade com os familiares”, frisa. Para as crianças que ainda não têm o hábito da leitura, são entregues livros de pintura, sempre com o incentivo de que os pais participem da atividade proposta.

Para a visita, os voluntários se caracterizam com as fantasias dos personagens das revistas de super-heróis, proporcionando um encanto ainda maior entre as crianças que se animam quando encontram os seus personagens preferidos, como o Batman, Homem Aranha, Capitão América, Tempestade, Mulher Maravilha sem deixar de lado a cinderela.

O projeto surgiu quando o próprio fundador do grupo precisou ficar internado e percebeu o quanto é importante a atenção às crianças hospitalizadas, para que consigam se distrair e ter um pouco mais de alegria no período em que estão em tratamento. “Enquanto estive internado percebi o quanto ações como essa ajudam as crianças a passarem de forma mais agradável o tempo que precisam estar internadas e a ideia está sendo muito bem aceita”, destaca o fundador do grupo, que começou o trabalho sozinho e hoje já conta com mais seis voluntários.

A partir da boa aceitação entre as crianças, direção do hospital vai tornar a atividade periódica no setor pediátrico. “Ficamos muito satisfeitos em receber esse projeto que trouxe muita alegria para as crianças internadas. É uma iniciativa que será sempre bem-vinda”, destacou o diretor administrativo do HAC, Leonardo Aldighieri. A pediatria do hospital conta com 30 leitos e tem  25 crianças internadas nesta quinta-feira (26.09). Desde janeiro, 1207 crianças já passaram pela unidade. Em 2018 foram 1795 internações.

Coordenadoria de Comunicação Social
Prefeitura de Petrópolis