tn_Limpa Nome 2 (1)

Com 24 empresas, negociações de dívidas podem chegar até 90%

            A equipe do Procon Petrópolis foi às ruas nesta quarta-feira (21.08) para convidar à população para participar do Feirão Limpa Nome. O evento, que começa na próxima segunda-feira (26.08) e dura até sexta (30) entre 9h e 16h, vai oportunizar negociações de devedores com abatimentos de até 90% nas dívidas e parcelamentos exclusivos. São 24 empresas de diversos segmentos como bancos, concessionárias de serviços públicos, varejistas, telefonia, internet, TV à Cabo, cartões de crédito, sapatarias, entre outras. As negociações serão realizadas na Casa dos Conselhos, prédio anexo à Prefeitura, que fica na Avenida Koeler, 260 – Centro.

Nas ruas, a equipe do Procon abordou às pessoas, distribuiu material informativo no comércio e explicou sobre como vai funcionar o Feirão Limpa Nome. As empresas que irão participar são os bancos Santander, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Itaú e Banco do Brasil; as empresas de telefonia, internet e TV à cabo, Oi, Claro, Tim, Vivo, Sky, Net e Tech Cable; as concessionárias Enel e Águas do Imperador; as varejistas Casas Bahia e Ponto Frio; as sapatarias Bico da Bota, Stella Maris e Real Modas; as lojas de vestuário Pirulito e Gisele Jeans; a Ótica Obeslico; a Universidade Católica de Petrópolis negociando dívidas de alunos e ex-alunos e a Servir – empresa de cartões de crédito do Grupo Mil.

“Ampliamos o Feirão abrindo para mais empresas, mas com o mesmo objetivo: atender a demanda dos consumidores, negociar seus débitos e limpar seus nomes. Todas as empresas estão comprometidas com essa meta e a ordem é para que o Procon cobre que as condições de negociações sejam realmente atrativas”, explica o prefeito Bernardo Rossi. “Acreditamos que este feirão será ainda maior que o anterior. Tivemos um resultado muito positivo e estamos saindo às ruas para chamar as pessoas para participar dessa ação. Nossas equipes estarão lá e contaremos com o apoio dos estudantes de direito da UCP e da Estácio de Sá nos ajudando na hora de tirar dúvidas e orientar os participantes”, explicou o coordenador do evento e do Procon, Bernardo Sabrá.

Os números do Feirão compravam o sucesso da edição realizada entra janeiro e fevereiro: foram quase 900 pessoas que negociaram um montante superior a R$ 2,5 milhões. Em média, o abatimento de 84,93%, mas, houve registros superior a 99%. Na prática, somados todos os participantes do evento, o valor acordado junto às empresas foi de R$ 390.057,60. A repercussão dos acordos chegou aos municípios vizinhos e foi possível selar negociações também com pessoas de Areal, Paraíba do Sul, Três Rios, Teresópolis, Magé e Levy Gasparian.

Novidade nesta edição é que os consumidores vão contar com a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) para consultar se estão com o nome negativado junto ao Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e por qual empresa. Essa inclusão atende a uma demanda percebida na primeira edição, onde muitas pessoas sabiam que estavam com o nome negativado, mas desconheciam qual empresa havia colocado o nome no cadastro. Além disso, a OAB estará homologando os acordos junto com os fiscais do Procon e a UCP vai participar com estudantes de direito dando auxílio nas dúvidas dos consumidores, bem como os estudantes de direito da Estácio, que também irão auxiliar no Feirão.


Confira a lista com as empresas:

Bancos

- Santander

- Bradesco

- Caixa Econômica Federal

- Itaú

- Banco do Brasil

Cartões

- Servir

Telefonia, internet e TV à cabo

- Oi/Velox

- Claro

- Tim

- Vivo

- Sky

- Net

- Tech Cable

Concessionárias

- Enel

- Águas do Imperador

Universidade

- UCP

Varejistas

- Casas Bahia

- Ponto Frio

Sapatarias

- Bico da Bota

- Stella Maris

- Real Modas

Vestuário

- Pirulito

- Gisele Jeans

Ótica

- Obelisco

Coordenadoria de Comunicação Social
Prefeitura de Petrópolis