tn_divulgação (3)

Com o fim da atividade turística das vitórias, veículos de tração animal em Petrópolis, Região Serrana do Rio, o espaço na Rua da Imperatriz, em frente ao Museu Imperial, no Centro, virou alvo de debates e propostas de utilização. Para Marcelo Pró Deficiente, presidente da Comissão de Defesa da Pessoa com Deficiência e do Idoso da Câmara de Vereadores, parte do local, antes destinado as charretes, deve abrigar novas vagas de estacionamento para idosos e pessoas com deficiência.

A intenção é garantir maior qualidade desses espaços em áreas próximas ao comércio e pontos estratégicos da cidade.

“Estamos pedindo mais qualidade já que o município cumpre a legislação em termos de quantidade. Como deficiente, tenho um olhar diferente sobre o que foi destinado aos idosos e pessoas com deficiência. Centralizadas, essas vagas podem melhorar e facilitar a vida de muitas pessoas. Meu pedido já foi encaminhado ao gabinete do prefeito e tenho certeza que será atendido”, frisa o legislador.

Procedimento para garantir direito a uma das vagas

Para parar em uma das vagas destinadas a idosos é necessário ter o cadastro atualizado na CPTrans. Para isso, é só comparecer à Rua Alberto Torres 115, Centro, de segunda a sexta-feira, de 9h às 17h. É necessário ter mais de 60 anos, levar a documentação do veículo, carteira de habilitação, comprovante de residência e preencher um formulário no local. A renovação é feita anualmente e o idoso recebe um comprovante que deve ser mantido no painel do veículo para utilização da vaga por até três horas.

Já para pessoas com deficiência, a renovação é a cada cinco anos. O procedimento é semelhante, mas exige laudo médico atualizado comprovando a deficiência – em caso de deficiência permanente será necessário à apresentação do laudo apenas uma vez. A carteira de habilitação tem que ser do próprio deficiente ou da pessoa responsável por dirigir para ela.

Em caso de dúvidas ligue: Telefones: (24) 2237-1703 / 2237-1566

 

Texto: Assessoria
Foto: Divulgação