tn_Vitral Catedral Petropolis

A partir de quinta-feira, 18/4, a Catedral S. Pedro de Alcântara intensifica suas celebrações para a Semana Santa.

Para os petropolitanos e turistas que querem aproveitar o feriado para refletir sobre a data é preciso ficar atento à programação da Igreja.

 

18/04 – Quinta-feira

 

9h – Santa Missa do Crisma (Santos Óleos)

Sagrado Tríduo Pascal

Com a expressão “Sagrado Tríduo Pascal” indica-se o período que tem início na Missa da tarde da Ceia do Senhor, com seu ponto alto na Vigília Pascal, e término nas vésperas do Domingo da Ressurreição. No “mistério dos três dias” a Igreja comemora o mistério da Paixão, Morte e Ressurreição de Nosso Senhor Jesus Cristo.

 

Missa da Ceia do Senhor – “Lava-pés”

19h30            Santa Missa

Translado do Santíssimo Sacramento / Vigília

Na missa vespertina da Ceia do Senhor dá-se especial realce ao mistério da Eucaristia. No centro dessa celebração está o mandamento do Amor, significado no Lava-pés. Mas, recorda-se também a instituição do sacerdócio ministerial.

 

 

19/04 – Sexta-feira Santa

(Dia de jejum e abstinência de carne)

Vigília diante do Santíssimo Sacramento

08h – 09h     Pastoral da Liturgia

09h – 10h     EVP – Equipe Vocacional Paroquial

10h – 11h     E.C.C.

11h – 12h     Pastoral do Batismo

12h – 13h     Ministros da Comunhão (grupo 1)

13h – 14h     Ministros da Comunhão (grupo 2)

***

9h – 12h         Atendimento de Confissões

15h    Celebração da Paixão do Senhor

Descendimento da Cruz

Procissão do Senhor Morto

Neste dia, a Liturgia é comovente contemplação do mistério da Cruz, que visa não só comemorar, mas levar todo fiel a reviver a Paixão do Senhor por meio da celebração da Palavra de Deus.

 

 

20/04- Sábado Santo

19h30            Solene Vigília Pascal

Benção do Fogo Novo e

Renovação das Promessas do Santo Batismo

Procissão do Ressuscitado

Segundo antiquíssima tradição, na noite do Sábado a Igreja celebra uma Vigília em memória da noite santa em que Cristo ressuscitou. Essa liturgia, âmago do ano litúrgico, é considerada a “mãe de todas as santas Vigílias”. Nela, a Igreja mantém-se à espera da Ressurreição do Senhor.

 

21/04- Domingo de Páscoa

09h30            Santa Missa

11h30            Santa Missa (Presidida pelo Exmo. e Revmo. Sr. D. Gregório Paixão, OSB – Bispo Diocesano)

18h30            Santa Missa

 

 

Texto: Assessoria
Foto: Divulgação