tn_20190415_092422

Inédito no país e premiado nacionalmente, o programa Defesa Civil nas Escolas virou referência para outros municípios. O Secretário de Educação, José Roberto Zimbrão Ribeiro, agentes da Defesa Civil e da Guarda Municipal de Areal visitaram o C.E.I. Jorge Rolando da Silva, no Morin, para conhecer a parte prática do programa desenvolvido em Petrópolis. O objetivo é implantar Defesa Civil nas Escolas em 50% da rede municipal de Areal, ainda no segundo semestre.

Durante a visita, a equipe conheceu as atividades que são oferecidas nas salas de aula. O C.E.I realizou trabalhos de educação ambiental com alunos do quarto período, e o programa atendeu 130 crianças. Foram apresentadas duas turmas aos agentes, uma fez um projeto que transformou garrafas pet em brinquedos, e a outra reciclagem de papel.

O secretário de Educação de Areal, José Roberto Zimbrão Ribeiro, acompanhou a visita e ficou impressionado com o desenvolvimento do programa na unidade de ensino. “Vimos na prática a execução do programa, e é excelente. O município está de parabéns! As crianças muito engajadas e o trabalho de prevenção sendo realizado de forma educativa”, disse o secretário.

“Hoje viemos conhecer a Defesa Civil nas Escolas, pois queremos implantar o programa na nossa rede de ensino. Petrópolis é referência em trabalhos da Defesa Civil e estou muito emocionado em ver de perto como funciona o programa”, destacou o Coordenador de Defesa Civil de Areal, Antônio Sérgio Gandra.

“Este ano a Defesa Civil nas Escolas foi implantada na educação infantil da rede municipal. E mostramos para a equipe de Areal o trabalho que o programa vem desenvolvendo dentro da unidade. Somos referência para as cidades vizinhas e pioneiros no país com o programa que está cada vez mais sendo ampliado”, afirmou o secretário de Defesa Civil e Ações Voluntárias, coronel Paulo Renato Vaz.

A diretora do C.E.I. Jorge Rolando da Silva, Mônica Achão, contou a como o programa pode modificar a vida dos alunos no futuro. “As crianças são multiplicadoras. Hoje estão aprendendo sobre reciclagem, cuidando do mundo e futuramente serão preocupados com as questões ambientais. Eles terão uma mudança de comportamento em relação ao lixo, logo contribuindo para um bem coletivo e para o planeta”, frisou a diretora.

O programa que é realizado nas salas de aula da rede municipal, insere os assuntos nas instituições de ensino, oferecendo a oportunidade de crianças e adolescentes desenvolverem a cultura de prevenção aos desastres de origem natural e de percepção de riscos. No ano passado – primeiro ano da política pública – foram realizadas 170 atividades dentro do Defesa Civil nas Escolas, com a participação de 103 colégios da rede, oito particulares e um estadual.

 

Coordenadoria de Comunicação Social
Prefeitura de Petrópolis