tn_c2ae5220-5412-42e6-afe4-ca7f99b00d76

 

Em homenagem aos 170 anos da chegada das primeiras Filhas da Caridade de São Vicente de Paulo ao Brasil, o Colégio Padre Corrêa, em Corrêas, realizou na quarta-feira, 4 de abril, o Dia da Educação Vicentina. Quase 50 alunos dos Ensinos Fundamental 1 e 2 participaram.

 

tn_d7bb1167-c47a-40e4-b44e-8d0d72461d00
Políticas Públicas, Lixo no Meio Ambiente; e Coleta Seletiva foram alguns dos temas abordados pelos estudantes. Os trabalhos foram expostos na calçada da instituição.

 

tn_12cbbcbe-9b50-46a4-bed6-9dfffa9d19d2
Davi Constantino, de 11 anos, foi um dos participantes. Ele produziu um trabalho com copinhos de iogurte.
- É importante a conscientização – disse.
Rodrigo de Sousa, da mesma idade, usou barbante e garrafas pet em seu trabalho.
- Fiz uma pesquisa na internet e resolvi usar esse material no meu trabalho – contou.
Também de 11 anos, Pedro Henrique Sousa Pimentel, fez o trabalho com apenas dois rolos de papel higiênico. Já Vitória Maria, revelou que é importante ser conscientizando desde pequeno.

- A gente acaba passando o que aprendemos para família e amigos – garantiu.

tn_e32a6f1f-1be3-473a-91da-9c3149fd499f

A irmã Sandra Aparecida Pereira, diretora do Colégio Padre Corrêa, declarou que o objetivo da data não é somente a conscientização.

 

tn_974980c0-b9c6-4ef1-b307-0c6d64cd8c00
- O Colégio sempre realiza atividades para integrar alunos, educadores e toda a comunidade educativa – assegurou.
As 12 irmãs missionárias, que partiram da França, chegaram ao Rio de Janeiro em 9 de março de 1849, depois de viajar 76 dias de navio. Na sequência foram para Mariana (MG) numa viagem de 23 dias montadas em cavalos, onde chegaram em abril de 1849 e deram início à primeira obra educativa.

 

tn_1c0074fc-2930-45a1-9c43-a63b4459879d

 

Texto: Assessoria
Foto: Divulgação