tn_Capacitação (3)

Unidades preparam equipes para melhor orientar as mães sobre os benefícios da amamentação

Os 39 profissionais do Posto de Saúde da Família do Alto da Serra já estão capacitados a incentivar as mães a amamentarem seus bebês. Essa é a quarta unidade a receber treinamento que visa melhoria de qualidade de vida, prevenção de doenças, promoção de saúde, redução de gastos e principalmente, o fortalecimento de vínculos entre a mãe e o bebê. O programa Iniciativa Unidade Básica Amiga da Amamentação (Iubaam), já foi implantado em outras três unidades nos bairros Vila Felipe, Vila Saúde (no Quitandinha) e Caxambu.

A meta da Secretaria de Saúde é capacitar as equipes das 54 unidades de saúde do município. “Essa é mais uma especialização que a rede oferece aos nossos profissionais que estão cada vez mais capacitados para melhor atender os pacientes. São essas especializações que fazem de Petrópolis uma cidade referência no serviço de saúde entre os municípios da região”, destaca o prefeito Bernardo Rossi.

A iniciativa, que faz parte de um programa do Governo do Estado, visa mobilizar as unidades básicas de saúde para a promoção, proteção e apoio ao aleitamento materno. Após capacitados, os profissionais trabalharão os preceitos sobre o aleitamento ainda durante o atendimento das mães no pré-natal, no sentido de já orientar as futuras mães em como proceder para garantir uma amamentação saudável para os bebês. O acompanhamento com as mães é feito pelos profissionais de saúde durante os primeiros meses de vida do bebê. A iniciativa busca garantir que o aleitamento materno seja praticado de forma exclusiva nos seis primeiros meses de vida dos bebês.

“A iniciativa capacita todos os profissionais a orientar as mães para o aleitamento. Muitas vezes por falta de orientação, as mães deixam e oferecer esse alimento essencial para a saúde dos bebês. O objetivo é tornar as unidades básica de saúde referência nesse cuidado”, destaca a secretária de Saúde, Fabíola Heck.

Durante a capacitação com os profissionais de saúde são trabalhados os dez passos de sucesso para a amamentação em que são destacados os benefícios para a mãe e bebê. Além do fortalecimento de vínculos são ressaltados os ganhos para saúde da mãe e bebê como por exemplo, para as crianças, a redução da predisposição ao desenvolvimento da obesidade e de doenças crônicas ao longo da vida da criança. “O aleitamento é um meio de prevenção e doenças que podem surgir a longo prazo. Durante a amamentação a criança recebe todos os nutrientes para a sua formação, inclusive os anticorpos que faz com que o bebê fique imune a algumas doenças”, destaca a nutricionista Cátia Regina Silva Pinto, coordenadora da Área Técnica de Alimentação e Nutrição, da Secretaria de Saúde.

A questão econômica é outro ponto destacado no treinamento. “Uma mãe que amamenta, não tem gastos com outras fórmulas infantis, que costumam ser de alto custo, para complementar ou substituir o aleitamento”, destaca a nutricionista, reforçando que o leite materno supre inclusive a necessidade de inserir a água dieta dos bebês: “o leite já possui tudo o que a criança precisa”.

Durante o treinamento, que enfatiza os benefícios do aleitamento, os profissionais são preparados orientar as mães, no sentido de saberem a melhor forma de oferecer o alimento natural e adequado para cada fase do bebê. Depois de capacitados, os profissionais estarão habilitados a realizar trabalho de conscientização individual ou em grupo com as gestantes e mães atendidas pela rede.

 

 

Coordenadoria de Comunicação Social
Prefeitura de Petrópolis