tn_Comunidade Boa Vista ganha crecheCentro de educação infantil é mais um investimento federal recuperador pelo prefeito Bernardo Rossi, que acompanhou a obra nesta terça (23.10)

Nova unidade de ensino é a primeira da localidade e integra o PAC Estrada da Saudade

 

A prefeitura retomou mais uma obra fruto de investimento do governo federal: a comunidade Boa Vista, no Estrada da Saudade, está ganhando uma creche. A construção integra o PAC Estrada da Saudade e vai poder atender até 70 crianças desde o berçário até os cinco anos de idade, mas estava parada há quatro anos. A volta dos trabalhos garante o investimento de R$ 560 mil para o primeiro centro de educação infantil do local. O prefeito Bernardo Rossi acompanhou os trabalhos nesta terça-feira (23.10).

“Não podemos perder um único centavo de recurso. Fizemos incursões em Brasília para garantir as verbas e, trabalhando com responsabilidade, é possível recuperar o tempo perdido e avançar simultaneamente”, afirma o prefeito Bernardo Rossi.

Os trabalhos de nove operários estão em andamento desde agosto, mas o primeiro mês de serviço foi usado para conseguir limpar o local, que estava tomado de mato e entulho após tanto tempo paralisado. Por lá, serão construídas quatro salas e mais um berçário, além de banheiros (um deles adaptado para crianças com deficiência), cozinha, refeitório e área de recreação, além de rampa de acesso para o segundo andar.

A construção é uma das obras do PAC Estrada da Saudade. Duas quadras esportivas foram reformadas pelo programa, uma delas ao lado da nova creche, na Servidão Francisco Jacinto do Amaral.

“O município já trabalha para tirar do papel mais dois projetos previstos dentro do PAC Estrada da Saudade: um deles é a pavimentação e rede de drenagem na Estrada da Chácara e o outra é mais uma creche, essa na comunidade do Félix”, ressalta o secretário de Obras, Ronaldo Medeiros.

A creche do Boa Vista vai atender a demanda de mães e pais da comunidade, que hoje precisam se deslocar para que o filho seja atendido por um CEI da rede pública ou que mantém convênio com o município, como por exemplo, o CEI Carolina Amorim (Estrada da Saudade), a Creche São Francisco de Assis (Félix) e o CEI André Varzan (Cascatinha).

“É extremamente importante porque a região de Cascatinha tem uma demanda alta e esse CEI está sendo feito onde é necessário, já que aqui há uma população numerosa”, ressaltou a secretária de Obras, Samea Ázara.

O morador Carlos Caetano de Oliveira, que participa da Associação de Moradores do bairro, acredita que o CEI vai ajudar sobretudo as mães. “A importância maior dessa creche é poder permitir que as mães possam trabalhar com a certeza de que as crianças estão bem cuidadas, vão se alimentar bem e aprender o que precisam”, afirmou.

O avanço da obra foi acompanhado também pelo vice-prefeito Baninho; pelo presidente da Câmara, Roni Medeiros, e pelos vereadores Silmar Fortes, Justino Raio X e Luizinho Sorriso.