IF

Aulas são realizadas na Fábrica do Saber e atendem crianças e adolescentes dos oito até 18 anos

Existem vagas para todas as categorias

 

A escolinha de basquete do Flamengo em Petrópolis está com 30 vagas gratuitas para novos alunos. As aulas atendem crianças e adolescentes, de oito até 18 anos, todas às quartas e sextas-feiras no Centro Esportivo da Escola Municipal Fábrica do Saber, na Estrada da Saudade. As inscrições podem ser realizadas presencialmente na sede da Superintendência de Esportes e Lazer, que fica na Praça Visconde de Mauá, no Centro, no horário das aulas na Fábrica do Saber, ou através do telefone: (24) 2233-1218.

As aulas atendem mais de 100 jovens da cidade com carga horária de 12 horas semanais. Além do treinamento, os alunos inscritos contam com palestras dos jogadores profissionais do Flamengo, membros da comissão técnica, além de assistirem jogos do rubro-negro no Novo Basquete Brasil (NBB). A proposta da escolinha é oferecer o máximo de vivência na modalidade para os jovens atletas.

Hingo Hammes, superintendente de Esportes e Lazer, explica que a escolinha em Petrópolis é uma parceria da prefeitura com o time carioca e a Secretaria de Estado de Esporte, Lazer e Juventude. O objetivo é proporcionar a prática esportiva para os jovens, além de ser uma oportunidade para a descoberta de novos talentos.

“É uma honra para a cidade contar com uma escolinha do Flamengo. O núcleo é uma ferramenta importante no fomento à prática esportiva no município. O trabalho da prefeitura busca oferecer as mais diversas modalidades nos bairros da cidade, atendendo todas as idades. A ideia principal é que os jovens da cidade pratiquem algum esporte, prevenindo doenças, garantindo mais saúde e qualidade de vida”, disse Hingo.

O Flamengo acompanha o desenvolvimento e a evolução dos alunos, além de disponibilizar o suporte necessário para os treinamentos, como uniforme, bolas e o lanche após a atividade. O rubro-negro enxerga em Petrópolis a possibilidade de encontrar novos talentos para o time de basquete.

O treinador da escolinha, José Augusto Leal, destaca a importância da atividade no desenvolvimento das crianças e dos adolescentes. “O esporte é uma ferramenta importante na vida dos jovens. Aprendem sobre disciplina, respeito ao próximo, além de ser oportunidade de se tornarem atleta profissional. O basquete é uma modalidade que está ganhando mais espaço em todo o país, então a procura pela escolinha também está grande”, explicou.

A prefeitura também mantém em aberto as inscrições para as atividades do programa Agita Petrópolis. As atividades acontecem em 13 bairros da cidade, atendendo regularmente cerca de duas mil pessoas com aulas de ginástica, alongamento, dança, e modalidades esportivas coletivas.

“Hoje o município oferece uma série de atividades para a população e seguimos trabalhando para aumentar cada vez mais. Por determinação do prefeito Bernardo Rossi, vamos manter a população da cidade mais ativa, promovendo mais saúde e bem-estar”, completa Hingo.

Coordenadoria de Comunicação Social
Prefeitura de Petrópolis