tn_Policial

Militar pediu que o homem parasse com o serviço; duas pessoas ficaram feridas com estilhaços após os disparos

Um policial militar matou a tiro um flanelinha em Campo Grande, Zona Oeste do Rio, após ele jogar água do para-brisa do carro do agente. Os dois teriam discutido após o agente pedir que a vítima parasse o serviço. O crime aconteceu na noite de quinta-feira (11).

 O cabo Leandro Augusto Graciano, lotado na UPP de Manguinhos, passava pela região com a companheira quando o flanelinha Romário de Oliveira Resende se oferece para limpar o para-brisa do veículo do militar. O PM teria pedido para ele parar, mas o homem insistiu.

 

Irritado, o agente saiu do carro e atirou no chão. O flanelinha teria pegado uma pedra para se proteger. Em seguida, o policial atirou contra Romário, que morreu na hora. Mais duas pessoas ficaram feridas com estilhaços de vidro após o disparo.

O militar se apresentou à Divisão de Homicídios (DH). Leandro poderá responder pelo crime em liberdade.