tn_Meio Ambiente volta a notificar dono de ferro velho no Moinho PretoÓrgão municipal acompanhou a retirada de veículos e de material abandonado

 

O setor de fiscalização da Secretaria de Meio Ambiente notificou o dono de um ferro velho no Moinho Preto, às margens da BR-040, nesta quarta-feira (09.01) para fazer a retirada imediata dos veículos abandonados ao longo da pista. O órgão municipal acompanhou o trabalho feito pelos funcionários até o final da tarde do mesmo dia. Foram rebocados dois veículos, um trator e restos de um motor. Em fevereiro do ano passado, a prefeitura já havia retirado dois veículos, cumprindo uma decisão judicial.

“Desde o ano passado a gente já vem acompanhando esse caso. Após a nossa operação, o dono havia retirado 15 veículos abandonados. Percebemos que os veículos voltaram a ser abandonados e retornamos a notificar o proprietário”, explica Miguel Fausto, chefe do setor de fiscalização do Meio Ambiente.

Miguel também enumera os prejuízos causados a área: “A principal delas é a contaminação do solo com diversas substâncias químicas, como graxa e óleo dos veículos abandonados”, afirma Miguel.

Além dessa ação, a Secretaria de Meio Ambiente notificou no mesmo dia o dono de uma oficina de pintura, na Rua Santa Clara, no Gentio, que funcionava sem a licença ambiental. O dono ganhou um prazo de 30 dias para dar entrada na documentação.

“São atividades que utilizam diversas substâncias tóxicas que podem ser prejudiciais a natureza. No caso da oficina de pintura, o descarte do resto de tinta, por exemplo, deve ser feito de maneira correta para que não prejudique a natureza. É fundamental que os empresários estejam em dia com a documentação para o exercício legal desses serviços”, explica Miguel.

Em 2017, a Secretaria de Meio Ambiente atendeu 1.030 casos de crimes ambientais no município, entre casos de supressão devegetação, poluição de curso hídrico, contaminação de solo, empresas funcionando sem licença ambiental e queimadas. São realizadas operações semanais com o objetivode reduzir os casos.

“Nossa prioridade é proteger as áreas verdes do município. Por isso, disponibilizamos um número de celular que funciona 24 horas, todos os dias da semana, para recebermos as denúncias”, explica Fred Procópio, secretário de Meio Ambiente. As denúncias de crimes ambientais podem ser feitas para a Secretaria de Meio Ambiente através dos telefones: (24) 2233-8180 e (24) 98828-8633.

Coordenadoria de Comunicação Social
Prefeitura de Petrópolis