tn_Empresários participam de curso sobre como se tornar fornecedor do serviço públicoCapacitação foi oferecida gratuitamente pelo Sebrae

As orientações e os procedimentos necessários para a participação nos processos de compras da prefeitura e demais instituições do serviço público foram repassadas para empresários durante o “Curso Fornecedor” que foi oferecido pelo Sebrae nessa terça-feira (28.11). A atividade é resultado de uma parceria com a prefeitura e faz parte das ações do Programa Cidades Empreendedoras, que reúne 11 municípios fluminenses, incluindo Petrópolis, e tem como objetivo melhorar o ambiente de negócios para as micro e pequenas empresas locais.
A capacitação foi realizada na sede do Sebrae, na Rua Teresa. No curso foram abordados os aspectos práticos e operacionais da Lei Complementar nº 123/2006 que trata do acesso ao mercado de compras governamentais, destacando o cenário atual onde as MPEs podem se beneficiar com a aplicação das regras do Estatuto da Micro e Pequena Empresa. Os empresários receberam ainda informações sobre o cadastramento no programa Rio Oportunidade de Negócios, que divulga as oportunidades de negócios na área de compras governamentais e estimula novas estratégias e ações para o fortalecimento das empresas, tornando-as mais competitivas no mercado. O foco, segundo o consultor do Programa “Compra Mais”, Jorge Augusto Júnior foi o de mostrar como deve ser feita a interpretação dos benefícios dos editais de licitação.
“É muito importante que os empresários estejam atentos aos editais e que eles saibam se planejar. A gestão também é importante e eles devem analisar o mercado como o todo, sabendo lidar com outras questões como as negociações de prazo. No curso eles participaram de exercícios práticos e tiveram uma vivência real de como os procedimentos de compras são realizados e as suas implicações. As dicas foram importantes principalmente para os pequenos empresários que, muitas das vezes, não sabem que eles também têm a oportunidade de participar de um processo de compra governamental”, explicou.
Na ocasião, os empresários conheceram as diretrizes legais para compra e participaram de um simulado de pregão presencial. “Se o empresário for capaz de compreender como fornecer para o poder público, ele estará fortalecendo a sua gestão e poderá participar de processos de compras não só da prefeitura, mas o poder público em outras instâncias”, contou Jorge Augusto.
“A capacitação foi importante porque esclareceu as principais questões do processo licitatório e seus requisitos. Com essas informações, o empresário pode reconhecer se ele terá condições de fornecer ou não para a prefeitura. Temos muitos empresários na cidade que são capazes de participar desses processos, mas não conhecem ou têm dúvidas com relação aos processos de compras. A parceria do Sebrae está sendo muito positiva”, afirma o secretário de Desenvolvimento Econômico, Marcelo Fiorini.
Outras particularidades previstas na legislação de compras governamentais também foram abordadas como a obrigação de se fazer licitações exclusivas para Micro e Pequenas Empresas em todas as aquisições de até 80 mil reais e a criação de uma cota exclusiva para as MPEs de até 25% de cada item caso a licitação ultrapassar 80 mil reais e o produto que estiver sendo adquirido for de natureza divisível.
“Muito interessante o curso. Conhecer os detalhes de todo o processo faz toda a diferença para quem deseja participar desse tipo de mercado. Foi muito esclarecedor e fiquei animado com as possibilidades futuras”, disse o empresário do ramo de confecções, Paulo Henrique Luzes.

 

Coordenadoria de Comunicação Social
Prefeitura de Petrópolis