Tremor de 8,4 atinge México; 
gera alerta de tsunami e deixa mortos

 

Pelo menos duas crianças faleceram, segundo governador local

Um terremoto de magnitude 8,4 atingiu a costa Sul do México, na noite desta quinta-feira (7), madrugada desta sexta-feira (8) no Brasil. O epicentro foi próximo à fronteira com a Guatemala e foi sentido na Cidade do México, capital do país. Pelo menos cinco pessoas morreram, incluindo duas crianças. A Agência Mexicana de Proteção Civil emitiu alertas de tsunami em oito países da região.

 O terremoto principal foi seguido por réplicas de magnitudes 6.1 e 5.8, no sudeste de Salina Cruz (Oaxaca). O governador mexicano Arturo Nunez relatou que uma das crianças morreu após a queda de uma parede. A outra, um bebê, morreu em um hospital pediátrico que ficou sem eletricidade, interrompendo o funcionamento do ventilador a que estava ligado.

As outras três mortes foram registradas no estado de Chiapas, em San Cristobal de las Casas. Segundo o jornal nacional La Prensa, outras duas mulheres teriam morrido em Chiapas.

O Centro de Alerta do Pacífico detalha que o tsunami já começou a se formar. Os países que estão em o alerta são México, Guatemala, El Salvador, Costa Rica, Nicarágua, Panamá, Honduras e Equador. Conforme a Sputnik News, a Agência Mexicana de Proteção Civil informou que este foi o terremoto mais forte registrado no país desde 1985.