Operação faz parte de um projeto da NASA para uma possível missão ao planeta

A Universidade do Havaí anunciou o início da quinta etapa da elaboração de um plano da NASA para uma possível missão tripulada a Marte. A experiência coloca seis cientistas numa cápsula que ficará no alto de um vulcão na ilha mais famosa dos Estados Unidos. O objetivo é simular a vida dos astronautas que poderão embarcar para o planeta vermelho.

De acordo com o jornal português Público, a NASA quer compreender melhor o comportamento humano numa missão espacial longa.

“Estou orgulhoso do papel que estamos tendo para ajudar a reduzir as barreiras de uma viagem humana a Marte”, disse Kim Binsted, investigador principal da missão, segundo o Público.

A cápsula tem 365 metros quadrados e ficará, por oito meses, numa pedreira a 2,5 quilômetros acima do nível do mar, sobre o vulcão Mauna Loa, na maior ilha do Havaí.

“As rotinas diárias incluem preparação de alimentos, exercício, investigação e trabalho de campo, alinhados com as expectativas de exploração planetária da NASA”, comunicou a Universidade do Havaí.