JeffersonO ex-deputado Roberto Jefferson, presidente do PTB fluminense, condenado na Ação Penal 470, o processo do mensalão, deixou o Presídio Ary Franco às 17h15 e seguiu para o Hospital Penitenciário, no Complexo de Gericinó, em Bangu.

O advogado de Jefferson, Marcos Pedreira de Lemos, acredita que ainda hoje o ex-deputado será encaminhado ao presídio, onde cumprirá a pena de sete anos e 14 dias em regime semiaberto, a que foi condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

Em rápida entrevistas, Lemos disse esperar que Roberto Jefferson seja levado ao Instituto Penal Ismael Pereira Sirieiro, em Niterói. Ele explicou que prefere que Jefferson vá para essa unidade do sistema penitenciário por considerá -la “a instituição mais adequada”. Ele considerou, no entanto, que caberá ao sistema penitenciário decidir o local de cumprimento da pena.